Tidy Friday (especialmente numa Quinta… because we don’t care)

Hoje é Quinta-feira, mas como eu gosto de vos dar surpresas, decidi fazer uma Tidy na quinta, because fuck you that’s why! Also amanhã vou estar ausente e para que haja Tidy fazemos um pouco mais cedo. Esta semana tenho andado exilada por terras do Norte, num refúgio espiritual e a ler pouco quase nada já que tenho passado mais tempo a meditar. Esta semana li um livro e ando a ler outro e tenho de ler outro… ai… ai vou voltar para o meu retiro que isto é só notícias tristes… Mais triste é o facto de esta semana o meu retiro espiritual ter sido passado à frente da televisão a ver os trocadilhos da Teresa Guilherme que me mexem com o cérebro e as telenovelas onde há mulheres paranóias e pais solteiros… preciso dos meus livrinhos! Livrinhos!

Os livros:

Esta semana consegui ler um livro! Sim um mísero livrinho, mas senti-me tão cansada depois de o terminar de ler que nem tenho coragem de pegar em outro. O livro foi o “Revolução Paraíso” gentilmente cedido pela Porto Editora. O segundo que estou a ler… ah não digo! Faz parte de uma surpresa ^_^ (e vocês não gostam de surpresa por isso odeiam-me (´;д;`) )

Obituário:

O autor escocês Iain Banks morreu no passado dia 9 de Junho devido a cancro. O autor de Wasps Factory e o mais recente The Hydrogen Sonata e The Quarry. Nenhum livro está traduzido para português.

Blogosfera:

Depois da dose enorme de lançamentos esta semana passamos à acção! (ヘ。ヘ)
Esta semana o escândalo foi no Facebook uma editora contra uma blogger nossa conhecida. A pobre da blogger estava a tentar alertar as pessoas para um e-mail que recebera há muito tempo para que não caíssem na esparrela. A editora veio qual virgem ofendida defender o e-mail que os próprios enviaram, sem que no tópico estivesse mencionado. Claro que agora se virem eles tiraram TUDO, mas cá a je tirou alguns print-screens épicos e como é raro as ditas cujas cairem na esperrela de nos entreterem, aqui vão alguns:
Pronto fui fofinha, protegi a identidade de toda a gente (awww) e até da própria dita cuja. Ora vamos lá a uma lição de relações públicas. Meet your teacher:
  1. Tudo o que se escreve na internet fica registado através de um Printscreen, sim aquele botão que diz “PrtScn” é uma praga, por isso tenha cuidado. O Facebook tem a opção de “delete” ou “edit” mas pense que é apenas um botão ao nosso alcance;
  2. Nunca admitir que a carapuça lhe serviu. A editora não foi mencionada pelo que escusava de se meter ao barulho. Se falarem da sua empresa a menos que a mencionem directamente, escusa de estar a dar chapadas de luva branca. Ninguém gosta de levar porrada e também ninguém tem pachorra para virgens ofendidas;
  3. Tratar toda a gente com respeito e coordialidade. Especialmente numa empresa que é uma editora, nunca tratar possíveis autores e leitores como se fossem colegas de Facebook. Lá porque eu sou vossa “amiga” não quer dizer que não queira ser tratada com respeito e algum formalismo.
  4. Um pedido de desculpas fica sempre tão bem: gostamos de saber que incompetência é punida. Ninguém gosta deles e um pedido de desculpas é sempre o mínimo que uma pessoa consciente faz. No caso desta Editorial poderia ter chegado lá e dizer: Caros leitores, pedimos desculpas pela conduta ontem que o gestor do nosso Facebook teve. Lamentamos o sucedido e faremos os possíveis para que o mesmo não volte a acontecer. – Et voilá – curto, sem dizer muita coisa, mas com um tom formal. Não é preciso ter um curso em relações públicas para saber que isto é the least! Mas pelos vistos o pessoal desta editora precisa, pois nem sequer isso fez.
  5. Nâo tente apagar as mensagens como se isso adiantasse de alguma coisa. Só fica mal. Admitir os erros é melhor, é uma atitude bem mais corajosa.
5 passos que qualquer pessoa devia de saber. Mas não, meus amores, não! Esta editora não conseguiu ficar de bico calado e tentou, com muito esforço, defender que era normal pagar para publicar e que a nossa querida blogger, que nem sequer enviou um manuscrito, simplesmente pediu informações quanto às condições para publicar e PUMBAS: tabelas de preços. Meus amores, eu escrevi um artigo para a Trëma de como se caça uma Vanity, mas nunca pensei que a melhor forma de caçar uma era a mais óbvia: enviar um e-mail a perguntar as condições! ≧(´▽`)≦ Tão fácil, meu Deus, tão fácil. Começo a pensar seriamente se as vanities têm algo de bom, porque:
  • Serviço de revisão: they suck at it!
  • Divulgação: pelo que vi nos contratos, o autor é que faz;
  • Relações públicas: não têem!
Ora se não têem revisores, não têem relações públicas. Ó meus queridos, não me digam que são como os Livros D’Ontem que só tem CEOs? Ora deixem lá de ser sumíticos e toca a contratar pessoal qualificado para fazer o papel que vocês não conseguem fazer. Um relações públicas benzia-se a ver esta intervenção! E eu vou acender mais uma velinha para esta gente, que isto olhem, é uma tristeza!
A conversa não ficou por aqui, mas a intervenção da editora sim. Esperemos que depois disto tenha tido o bom senso de aprender algo na Internet… ou não, porque se calhar vêem para aqui dizerem para eu apagar o post… like that’s going to happen!
Espero que para a semana já tenha o ritmo de leituras em ordem e boas notícias para vocês (●´∀`)ノ♡ com todo o amor e carinho, vamos lá ver se o tema muda porque de caminho isto parece uma caça às bruxas. E agora a banda sonora desta Tidy:

Advertisements

About Adeselna Davies

Occasionally works as an English and German teacher, also loves to read all kind of books and wish someone would pay her to read and write reviews forever. She is also a magazine designer and writes short-stories.

3 responses to “Tidy Friday (especialmente numa Quinta… because we don’t care)

  1. A Sô Dôtora não fez o trabalhinho de casa. Iain M. Banks já foi publicado cá em Portugal. E logo o primeiro livro da Culture. Pensa em Phlebas é o título do mesmo.

  2. Fiz sim, eu disse “nenhum livro ESTÁ traduzido” as in presente, não disse nenhum livro foi traduzido 😉 I stand correct then

  3. Já me aconteceu enviar mail à editora a dizer:
    – Tenho um original para submeter à vossa editora, como preferem que eu envie? Em papel ou digital?

    Resposta:
    – Tabela de preços…

    (tudo a ver…)

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s

Blog stats

NetGalley Wellness Challenge

June 2013
M T W T F S S
« May   Jul »
 12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930

Goodreads

Livro do mês

Follow Illusionary Pleasure on WordPress.com

IL Buttons

%d bloggers like this: