A testemunha da noite

A testemunha da noite
Kishwar Desai
Edições ASA
Páginas: 207
Publicado originalmente em 2010 | Em Portugal 2011
Vencedor do Costa Award 2010 para Melhor Primeiro Romance

Sinopse:

Durga tem apenas catorze anos e está demasiado assustada para falar. Ela foi encontrada na mansão onde vivia, rodeada pelos cadáveres dos seus familiares. É a única sobrevivente. A única herdeira de uma imensa fortuna. É também a única suspeita. Simran é assistente social, bebedora inveterada e fumadora compulsiva. Esta mulher pouco convencional é a única esperança de Durga, já que apenas ela acredita que a menina pode ser mais uma das vítimas e não a assassina. Durga e Simran têm em comum origens privilegiadas num país onde as desigualdades sociais são profundas e a realidade é brutal. À medida que tenta desvendar o mistério daquela noite trágica, a destemida Simran conhece o círculo restrito em que se movimentava a família. De Harpreet, o enigmático tutor de Durga, e a sua mulher desfigurada, à bela Amrinder, a personificação perfeita da alta sociedade, os preconceitos são implacáveis e os segredos são inúmeros. E Simran sabe que não pode descansar enquanto não desvendar toda a verdade… Um galardoado primeiro romance que penetra no âmago da Índia e da sua luta entre modernidade e tradição.

Ao longo da leitura não compreendi muito bem o porquê de ter ganho o prémio Costa, mas depois de chegar ao fim entendi que apesar de ser um livro com alguns problemas, é um romance que sem dúvida nos causa revolta, pelo menos enquanto mulheres ocidentais possuidoras de um cérebro e dois neurónios.

O principal problema com o livro é a excessiva exposição que este tem sobre uma parte da sociedade e a repetição constante de ideias, quando há tanto por explorar. O facto de não haver uma conclusão definitiva, também não ajuda. Parece que no fundo, fica tudo no ar e a autora criou sem querer um policial, mas não tinha perícia para o tratar como tal. ( E sim, de mal só tem isto rly)
A história apesar de ser bem exposta e bem conseguida, é para ser lida lentamente devido à temática do infanticidio e da descriminação da mulher na sociedade. Vendo bem é um excelente livro para quem é apreciador dos direitos humanos e da mulher. Muitos dos acontecimentos que decorrem com algumas personagens aconteceram a algumas feministas no início do século XX. 
Como podem ver, o livro foi publicado em 2010, apenas há três anos e encontrei esta notícia da CNN que é de Junho do ano passado:
By Sara Sidner, CNN

O que mostra que o livro é actual e que até hoje em dia se comete atrocidades baseadas no gender. A mensagem do livro é bonita, dá-nos esperança num mundo com preconceito e serve para reflectir sobre as mulheres no oriente. Qual o papel delas? Até que ponto é que uma sociedade com crenças desumanas e retrógrada consegue acompanhar o progresso? Quantas mulheres não sofrem no silêncio das suas casas como Durga e Sharda? Quantas é que têm a coragem de Simran para serem independentes?
São estas questões que devem ser reflectidas durante a leitura. A quantidade de mulheres roubadas da sua independência e liberdade devido às crenças?
Se ultrapassarmos os problemas mencionados acima, entende-se porque é que o livro ganhou o prémio: tema sensível, coragem por parte da autora, um final que satisfaz os mais sonhadores e esperançosos. É um livro que todas as feministas deviam de ter em casa, para de vez em quando reler as atrocidades cometidas e voltarmos à realidade que muitas vezes desconhecemos.
Advertisements

About Adeselna Davies

Occasionally works as an English and German teacher, also loves to read all kind of books and wish someone would pay her to read and write reviews forever. She is also a magazine designer and writes short-stories.

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s

Blog stats

NetGalley Wellness Challenge

March 2013
M T W T F S S
« Feb   Apr »
 123
45678910
11121314151617
18192021222324
25262728293031

Goodreads

Livro do mês

Follow Illusionary Pleasure on WordPress.com

IL Buttons

%d bloggers like this: