My job is killing me…

foto tirada por Leonor Ferrão do blog Relíquias Anónimas
Embora dar aulas seja bastante gratificante, ter de estudar para exames e trabalhar das 8.30 ás 18 horas deixa-me pouco tempo para escrever críticas. Comecei a ler “A donzela sagrada” e embora a “tertúlia” com a Leonor tenha sido importante para analisar a obra dita, não consigo ler o livro com atenção. Pego num lápis e meto-me a corrigir tudo. Erros de sintaxe, ortografia, frases sem sentido e isso atrasa muito a leitura.
Agora que nos aproximamos de Julho está na hora de a 3º edição da Nanozine ver a luz do dia. Os contos estão corrigidos, o ensaio também só falta mesmo tempo para construir um design interior sólido. Se somarmos a minha falta de paciência, uma crítica a um livro tenho medo de ficar demasiado rabujenta e picky. Não quero ser injusta com ninguém e preciso de tempo, coisa que até dia 8 de Julho (dia em que realizo o ultimo exame) não vou ter. Não sei se farei alguns posts relativos às perguntas/ desafios que por aí circulam. Não sei se isso será sequer importante para manter o blog vivo, não sei se manter o blog vivo é sequer importante. De qualquer maneira sobrevivo, mal ou bem, a ler muita coisa (tanto para mestrado como extra) e resta pouco tempo para sentar e escrever sobre as leituras.
Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s