Bela adormecida de chicote

The Claiming of Sleeping Beauty

Anne Rice
writing as A. N. Roquelaure
Editora: Penguin Putnam Inc
Páginas: 253

Mais de um ano esperei ansiosa para ler este recontar do meu conto de fada favorito “A bela adormecida” não sei o que me atraiu sempre no filme na Disney. Adorava a voz brasileira da Maleficient e dava por mim na primária a discutir com a minha melhor amiga (most beloved Lara) qual seria a cor do vestido da Aurora que aparecia no fim do filme (se bem se lembram no fim do filme da Disney as duas fadas mudam constantemente a cor do vestido para ora rosa, ora azul). O rótulo de prosa erótica é um pouco errado. “The caliming of Sleppy Beauty” é basicamente um romance sadomasoquista, que apaga de imediato a ideia da Anne Rice como escritora de “vampirada”.
Violada e acordada por um príncipe após cem anos de sono, Beauty acompanha o seu Crown Prince para ser a sua escrava e aprender a obedecê-lo. Em constantes humilhações e através de muita observação assistimos a uma mulher mimada transformar-se numa pessoa racional e inteligente. A mente de Beauty divaga e sofre na sua condição de escrava, sendo das poucas pessoas que de facto se rebela constantemente contra o poder instituído. Os jogos de poder, sedução, dor e humilhações face a um ser humano – e para além dessas humilhações, as reacções que os escravos têm face aos seus soberanos, fazem com que o leitor coloque-se no lugar de Beauty e reflicta sobre o seu lugar.
Rotular “The Claiming of Sleepy Beauty” apenas como um romance erótico é talvez ser um pouco redutor, já que a parte erótica apesar de ser uma constante apenas serve para desenvolver o tema da condição humana ou a falta de condições humanas. Publicado em 1983 já após vários livros onde o sexo não era propriamente tabu, a passividade da mulher é seriamente questionada e tal como no conto tradicional do Capuchinho Vermelho, Beauty não consegue submeter-se às leis e ser obediente.
Advertisements

About Adeselna Davies

Occasionally works as an English and German teacher, also loves to read all kind of books and wish someone would pay her to read and write reviews forever. She is also a magazine designer and writes short-stories.

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s

Blog stats

NetGalley Wellness Challenge

April 2011
M T W T F S S
« Mar   May »
 123
45678910
11121314151617
18192021222324
252627282930  

Goodreads

Livro do mês

Follow Illusionary Pleasure on WordPress.com

IL Buttons

%d bloggers like this: