A Musa de Camões

A Musa de Camões
Maria Helena Ventura
Género: Romance Histórico
Páginas: 256
Editora: Saída de Emergência

“A história de um amor único e impossível, que aos olhos da lei era crime e aos da Inquisição era pecado.”

Maria Helena Ventura tem quatro livros de romance histórico publicados: Afonso, o Conquistador, Onde Vais Isabel?, A musa de Camões e o último “Um Homem Só”. Com tantos títulos num género cada vez mais popular em Portugal é raro ver uma review dos livros desta escritora portuguesa. Indignada decidi aproveitar a excelente promoção no site da Saída de Emergência para me estrear nos romances históricos e encontrar a razão pelo qual se encontram tão poucas reviews na Internet. O motivo é fácil de descobrir, com um título bonito, uma capa medieval e uma sinopse bem escrita, aumenta a exigência por parte dos leitores face à história. Basicamente o que o leitor espera uma história de amor arrebatadora, um amor proibido e um destino fatal. De facto Helena Ventura escreve sobre estes temas, contudo o distanciamento do narrador e a falta de diálogos afasta de imediato o leitor ansioso por uma história de amor. A Musa de Camões é por vezes uma lição de história dada por uma professora que fez uma pesquisa exaustiva sobre uma Infanta desconhecida, aliando a vida atribulada do grande poeta português com o amor proibido. A prosa é complexa, bela, mas fria e distante. Os acontecimentos são vistos a partir de fora, a visão é falível, raramente seguimos os sentimentos dos dois amantes e para piorar a proximidade para com as duas personagens principais, os diálogos são distantes. Camões e a Infanta não se beijam, não lutam pelo seu amor e pior resignam-se ao seu destino manobrado pela Inquisição. Resta a insensibilidade por parte do receptor para com as personagens, que por vezes chega a duvidar que as duas personagens sentem realmente algo. Apesar de falhas é um livro bem escrito, com passagens belíssimas e que vale a pena ser lido. Resta-me aconselhar aos futuros leitores para serem pacientes e insistirem na leitura. Espero ler “Onde vais Isabel?” pelo menos antes do Natal.

Advertisements

One thought on “A Musa de Camões

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s